telefone48 3034.2009

Blog

CAPA BLOG

Sejam bem-vindos ao mundo da Ginástica Rítmica

Escrito por Colégio CEB

Houve um tempo, em que a Ginástica Rítmica era um esporte reconhecido apenas pelas lentes midiáticas e acontecia fora do alcance da população geral. Durante muitos anos, meninas sonhavam ao assistir às Olímpiadas e ver a graça e a beleza das ginastas, com seus collants brilhosos e suas fitas que dançavam junto a elas em movimentos quase mágicos, para nossa sorte, esses tempos chegaram ao fim.

A prática da G.R. na escola, em clubes e associações vem ganhando espaço em todos os cantos do Brasil, possibilitando que mais e mais crianças e adolescentes tenham a oportunidade de vivenciar esse esporte que traz incontáveis benefícios físicos, cognitivos e emocionais.

 

Na G.R. a utilização dos aparelhos específicos do esporte: corda, arco, bola, maças e fita trazem amplas possibilidades de se movimentar e se desenvolver.

 

A GR é uma modalidade esportiva completa pois nela temos a união da arte e da criatividade com o desporto que requer um alto nível de certas qualidades físicas, entre elas podemos citar: força, flexibilidade, potência muscular, equilíbrio, agilidade e coordenação motora. É uma modalidade esportiva privilegiada, que por possuir habilidades motoras bem próximas da cultura corporal encontrada em brincadeiras e nos jogos infantis, favorece desde cedo a possibilidade de vivências motoras importantes ao crescimento e desenvolvimento sadio.

Para muitos autores, as crianças a partir dos 7 anos de idade, começam a perceber que a corda não serve apenas para pular, o arco ultrapassa o bambolear e que a bola vai além do chute a gol. Ela percebe que seu corpo é amplo e capaz de diversas habilidades, que talvez, nem elas mesmas saibam, aí está a importância de apresentar às crianças inúmeras possibilidades de movimentos.

Graças a união de movimentos acrobáticos, dança e os manejos dos aparelhos, a G.R. proporciona ao corpo um envolvimento com o espaço, tempo, ritmo, objeto e pessoas, além de estimular a socialização e o senso de equipe, a cooperação para deslocar e organizar os equipamentos. Nas colaborações presentes nas apresentações de GR, é possível notar a cumplicidade e confiança que as atletas de uma mesma equipe têm entre si. É necessário que todas trabalhem em grupo e se ajudem para atingirem juntas o melhor resultado.

Meninas de todas as idades podem praticar G.R., a partir dos 3 anos, já é possível realizar a introdução da modalidade na vida das crianças de maneira recreativa. E então a partir dos 6 a iniciação esportiva de maneira integral pode ser iniciada, objetivando sempre o respeito à singularidade de cada indivíduo, em que cada criança possa superar seus próprios limites em cada nova aula. Não deixe de experimentar!

 

ASSINATURA BLOG - ANGELICA

Outros posts

ADOLECENTES TEM PERGUNTAS01

ADOLESCENTES TAMBÉM TÊM PERGUNTAS QUE PRECISAM DE RESPOSTAS!

Pesquisas indicam que uma criança até os 9-10 anos de idade, fazem, em média, 300 perguntas por dia. Grande parte delas, é...

Mais detalhes
CAPA BLOG - MES DE FERIAS

Mês de férias: momento para criar novas resoluções para um novo ano

Início de ano novo sempre é um período propício a novas reflexões e importante para traçar novas metas para os próximos...

Mais detalhes
CAPA BLOG

PRÊMIO INS.PIRAR 2019 – PROJETO DIFERENTE É VOCÊ

  O Prêmio INS.PIRAR tem como principal objetivo reconhecer e estimular a produção de projetos criativos e inovadores no...

Mais detalhes
CAPA

A responsabilidade compartilhada entre escola e família, na busca da qualidade alimentar.

Uma alimentação saudável é essencial em todas as fases de nossa vida, mas em cada uma delas a alimentação tem uma...

Mais detalhes